Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Utentes da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra pintam "Mondrians" e "Picassos"

Lusa 4 de Junho de 2016 às 05:00

Todos os dias, o ateliê de expressão plástica da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC) enche-se de utentes para pintarem quadros em acrílico, num trabalho que pode significar orgulho, vício ou até a ambição de uma carreira.

No departamento de expressão plástica, com várias pinturas dos utentes espalhadas pelas paredes, o ambiente é calmo. Os nove utentes estão concentrados em cada uma das suas telas, mas a coordenadora, Suzete Azevedo, avisa que o silêncio não é normal.

O dia-a-dia do ateliê é mais animado, refere. A informalidade impera e há sempre tempo para rir e para se falar dos bons e maus momentos, por entre as pinturas que se vão fazendo, ao som de música.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)