Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Venezuela acusa canal TNT de atacar o presidente

Nicolás Maduro adquire uma arma química para usar contra civis em série de ficção televisiva dos EUA.
Lusa 2 de Setembro de 2014 às 22:30
Presidente venezuelano, Nicolas Maduro, discursa em Caracas, na Venezuela
Presidente venezuelano, Nicolas Maduro, discursa em Caracas, na Venezuela FOTO: Miguel Gutierrez/EPA

A Comissão Nacional de Telecomunicações da Venezuela (Conatel) iniciou uma investigação ao canal norte-americano de televisão TNT, invocando alegada "manipulação mediática" e agressão contra o Presidente Nicolás Maduro.

"Por mentiras e manipulações contra o Presidente Nicolás Maduro, na série Legends, solicitámos à Conatel a abertura de uma investigação profunda", anunciou a ministra venezuelana da Comunicação e Investigação, Delcy Rodríguez. Segundo as autoridades venezuelanas, no terceiro capítulo da série de ficção televisiva Legends, um terrorista acusa o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, de adquirir uma arma química que alegadamente seria usada contra civis.

Venezuela presidente Nicolás Maduro EUA canal TNT série ficção televisiva
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)