VERÍSSIMO CORREIA SEABRA ASSUME LIDERANÇA EM GUINÉ-BISSAU

O general Veríssimo Correia Seabra, chefe do Estado Maior General das Forças Armadas assumiu este domingo a presidência do proclamado Comité Militar para a Recuperação da Ordem Constitucional Democrática (CMROCD) até há realização de eleições.
14.09.03
  • partilhe
  • 0
  • +
Em entrevista à RTP África, Veríssimo Seabra explicou que desde há muito tempo havia um desrespeito pela Constituição da República que havia sido aprovada pelo parlamento mas não promulgada por Kumba Ialá, o Presidente da República.
Veríssimo Seabra acusa Kumba Ialá de abuso de poder, prisões arbitrárias e fraude eleitoral no período de recenseamento. Afirma ainda que o presidente deposto poderá permanecer no país caso seja sua vontade.
O novo governo será integrado por “todas as sensibilidades” do país e pelos partidos político que tinham assento no parlamento dissolvido em Novembro de 2002 por Kumba Ialá, afirmou em comunicado à rádio nacional da Guiné-Bissau o tenente-coronel Zamora Induta, do CMROCD.
No mesmo comunicado os militares recordaram as inúmeras tentativas de alertar as autoridades sobre os perigos eminentes na Guiné-Bissau, nomeadamente as três reuniões entre as chefias militares e Kumba Ialá.
O presidente, Kumba Lalá e o primeiro-ministro, Mário Pires encontram-se no Estado-Maior das Forças Armadas, mas os militares negam que estejam detidos.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!