Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

Alice no país de La Féria

Parece impossível que os ‘diabinhos’ que, à porta do Politeama, põem a cabeça em água às professoras, se transformem de repente em anjinhos para ver mais um espectáculo de Filipe La Féria. Mas é verdade.
29 de Novembro de 2005 às 00:00
Alice aprende que a mudança pode ser uma coisa bem positiva
Alice aprende que a mudança pode ser uma coisa bem positiva FOTO: Jorge Godinho
A ocasião era, de resto, solene: o encenador estreou, ontem, em Lisboa, o musical ‘Alice no País das Maravilhas’, a partir da célebre história de Lewis Carroll, e plateia e bancadas do teatro encheram-se de pequenas cabeças, muito atentas, para ver um espectáculo que prima pelo colorido e pela vivacidade das interpretações.
Com desenhos animados como pano de fundo (acompanham a acção do início ao fim), o espectáculo mostra-nos o percurso de uma menina que, graças ao efeito de umas bolachinhas mágicas – que ora a fazem crescer ora a tornam minúscula –, penetra num mundo diferente, um mundo feito de maravilhas, e vive momentos inesquecíveis.
Mas muito mais do que meramente encantatórias, as aventuras de Alice são pedagógicas. Depois de quase morrer afogada no mar de lágrimas que ela própria provoca, a pequena é expulsa de um jardim por ser ‘diferente’ das flores, aprende que a mudança é positiva (como lhe mostra a lagarta, ao transformar-se numa bela borboleta) e percebe que, afinal, todos temos um lado bom e um lado mau.
Claro que, no fim, Alice vai passar por momentos difíceis, por causa da terrível Rainha de Copas que, não querendo ter rival no jogo do ‘croquete’ (assim mesmo), decide cortar-lhe a cabeça.
Num julgamento particularmente emotivo – o Teatro Politeama até tremeu ao som da palavra “inocente”, gritada por muitas dezenas de bocas – a pequena Alice vê-se em tão maus lençóis que acorda, no jardim da sua casa... Está, afinal, em segurança!
PLENA SATISFAÇÃO
No final do espectáculo, crianças, professoras e pais saíram satisfeitos do Teatro Politeama e La Féria já tem o seu espectáculo de Natal.
O encenador, que resolveu com habilidade as dificuldades que coloca a montagem de uma história tão complexa e cheia de peripécias como esta, até juntou a este espectáculo uns ‘pozinhos’ de concerto rock.
Num dos momentos mais empolgantes de ‘Alice no País das Maravilhas’, a Rainha de Copas faz a sua apresentação ao público ao som de ‘We Will Rock You’, dos Queen.
Com música de António Leal, cenário, vídeo e figurinos de Marta Anjos e coreografia de Inna Lisniak, este é um espectáculo para ver durante a semana às 11h00 e às 15h00 e aos fins-de-semana às 15h00. Reservas para o número 21 343 05 32.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)