Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

Alicia Keys chora no funeral de Whitney Houston

Um discurso emocionado de Kevin Costner e um número musical protagonizado por Alicia Keys - que não conteve as lágrimas ao despedir-se da amiga - foram dois dos momentos mais comoventes do funeral de Whitney Houston, que decorreu na tarde deste sábado (hora portuguesa), na Igreja Baptista de New Hope, em Newark, New Jersey, perante 1500 convidados.
18 de Fevereiro de 2012 às 18:53
Alicia Keys não conteve as lágrimas ao lembrar a sua amiga Whintey Houston, para quem cantou uma canção
Alicia Keys não conteve as lágrimas ao lembrar a sua amiga Whintey Houston, para quem cantou uma canção FOTO: D.R.

A cerimónia, que foi conduzida por Dionne Warwick, prima de Whitney Houston, incluiu a participação de muitos amigos, que quiseram cantar naquilo que acabou por ser uma festa de celebração da memória da cantora, falecida aos 48 anos, a 11 de Fevereiro, de causas ainda por apurar.

No seu discurso, Kevin Costner falou do filme 'O Guarda-Costas', para o qual desafiou Whitney a fazer a sua estreia no cinema. E revelou que os estúdios estavam preocupados.

"Tive de esperar um ano para que a Whitney ficasse disponível, mas valeu a pena, porque o filme deve-lhe tudo. Qualquer actor podia fazer o meu papel, mas só ela poderia dar vida àquela personagem", afirmou.

Cultura Música Whitney Houston funeral lágrimas Alicia Keys Kevin Costner
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)