Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
9

Amélia Muge quebra silêncio prolongado

Quase cinco anos depois de ‘A Monte’, Amélia Muge volta aos discos com ‘Não Sou Daqui’. O álbum chega amanhã ao mercado e é o primeiro de uma trilogia.
28 de Janeiro de 2007 às 00:00
De acordo com a própria cantora, o primeiro capítulo, agora disponível, é um disco em que se interroga a canção, “como ideia”, sendo que os restantes dois terão por mote a “música de tradição europeia” e as “relações entre a música e a tecnologia”.
Para já, todavia, as atenções concentram-se em ‘Não Sou Daqui’, um disco feito em apenas três dias, no qual Amélia Muge conjuga, de forma brilhante, música e poesia. Um desafio que passou por dar vida às palavras de gente como Hélia Correia, António Ramos Rosa, Eugénio Lisboa e Sophia de Mello Breyner Andresen.
‘Não Sou Daqui’ contém ainda sete poemas da própria Amélia Muge, que presta a sua homenagem pessoal à música brasileira personificada em Caetano Veloso. O poema é da própria cantora, que aqui como que desvenda o ‘concept’ do disco: “No subtil respirar de uma palavra; Aonde o som, como corpo de segredos; o tempo todo se inventa, do osso até ao tutano”.
Num disco em que Amélia Muge assina a totalidade das composições, destaque ainda para ‘Fadunchinho’, um poema de Hélia Correia, em que Amélia canta as palavras com o especial sentimento (e respeito) que o fado sempre faz questão de sublinhar.
O disco é produzido pela cantora e por António José Martins, seu companheiro. Além das 13 canções, ‘Não Sou Daqui’ inclui ainda um conjunto de desenhos da própria cantora e dois textos, concretamente de António Ramos Rosa (a abrir o ‘booklet’) e um excerto de As Identidades Assassinas’ de Amin Maalouf, na contracapa do pequeno livro. E há ainda um vídeo, ‘Não Sou Daqui’, da autoria da cantora
A primeira apresentação pública de ‘Não Sou Daqui’ está marcada para o dia 17 de Fevereiro, no palco da Culturgest, em Lisboa. Amélia Muge vai mostrar depois o disco no Centro de Artes Performativas de Faro (2 e 3 de Março), no Auditório Municipal da Ribeira Grande, em São Miguel, Açores (10), e na Cité de la Musique, de Paris, a 24 de Junho.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)