Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
4

António J. Ferreira triunfa

A quarta novilhada da Tertúlia Tauromáquica Sobralense foi um êxito de público, com a praça de Sobral de Monte Agraço a registar uma magnífica entrada e muita juventude nas bancadas, sinal de que o cartel e os preços eram atractivos.
1 de Maio de 2005 às 00:00
António João Ferreira realizou uma boa lide ao seu segundo
António João Ferreira realizou uma boa lide ao seu segundo FOTO: d.r.
Tarde igualmente positiva teve António João Ferreira que triunfou num espectáculo que não teve o interesse e emoção que os aficionados buscavam, por culpa do escasso jogo dos novilhos de Oliveiras Irmãos, escorridos de carnes, mansotes mas a denotarem também nobreza e de escassa força no geral.
O novilheiro triunfou com uma boa lide ao seu segundo, bem recebido com verónicas bem desenhadas, e uma faena de muleta que, apesar de larga e com altos e baixos, teve em duas séries de muletazos os seus melhores momentos. No seu primeiro, Ferreira cumpriu a papeleta de forma decorosa e em ambos os novilhos bandarilhou com acerto, destacando-se nos pares a quiebro.
Ismael López não teve uma tarde afortunada e pouco fez de destaque já que o seu primeiro foi devolvido após o tércio de bandarilhas por ter partido o piton direito num derrote contra um burladero, e o segundo, de escassa força, caiu nos remates dos muletazos, desluzindo a sua actuação. Lidaria em último lugar o sobrero, mas também aqui foi pior a emenda que o soneto pois o novilho caiu constantemente e o público assobiou com força.
No toureio a cavalo, Brito Pais e Manuel Lupi equivaleram-se nas lides. O primeiro lidou o novilho mais bem apresentado, manso e complicado, de José Palha, e teve bons pormenores, cravando à tira os compridos e destacando-se no terceiro curto em sorte a quarteio bem delineada. Quanto a Lupi, com boas maneiras toureiras, procurou deixar a ferragem comprida, em sortes à tira bem executada e, na série de curtos, destaque para o terceiro em sorte frontal bem marcada e melhor rematada.
Os Forcados de Lisboa não tiveram dificuldades para pegar os dois novilhos, com os forcados da cara Pedro Gil e Pedro Mira a fecharem-se bem à primeira tentativa, bem ajudados pelos restantes elementos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)