Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

APEL pede à autarquia que revogue decisão

A Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL), vai solicitar ao presidente da Câmara Municipal de Lisboa, António Costa, que pondere na decisão tomada na passada quarta-feira, de suspender a montagem da Feira do Livro em Lisboa, para assim corresponder às expectativas dos editores que se inscreveram na exposição literária.
16 de Maio de 2008 às 14:10
APEL pede à autarquia que revogue decisão
APEL pede à autarquia que revogue decisão FOTO: d.r.

O respectivo pedido está contemplado num memorando entregue esta sexta-feira, e que a Associação descreve como “rectificativo e pormenorizado, apoiado por documentos e não por pretensos acordos verbais”.

A APEL explica num comunicado que esse documento “eliminará quaisquer dúvidas que possam ainda existir” sobre os acontecimentos que marcam este ano a organização da Feira do Livro em Lisboa, que é “um dos mais importantes acontecimentos culturais da cidade e da área metropolitana de Lisboa” desde 1930.

A 78ª edição da Feira do Livro na capital portuguesa conta já com 188 stands inscritos, dos quais 35 foram inscritos através da UEP, num total de 119 editoras portuguesas.

Ver comentários