Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

Artista mais velho morre aos 108 anos

Era o artista mais velho do Mundo ainda em actividade, segundo o ‘Livro de Recordes do Guinness’. Johannes Heesters, cantor de operetas holandês, morreu no sábado, véspera de Natal, aos 108 anos.
26 de Dezembro de 2011 às 01:00
Hitler gostava muito das performances de Johannes Heesters
Hitler gostava muito das performances de Johannes Heesters FOTO: Michaela Rehle/Reuters

Figura popular dos espectáculos dos anos 1930, cantados em alemão, Heesters era muito apreciado por Hitler e chegou a ser acusado por um jornalista de ter actuado para as SS no campo de concentração nazi de Dachau, na Baviera, em 1941.

Johan Marius Nicolaas Heesters nasceu a 5 de Dezembro de 1903 e a sua energia valeu-lhe o epíteto de "o produto mais vivo da Holanda". No último sábado, viria a falecer na clínica de Starnberg, na Baviera (Alemanha), onde residia, tendo a seu lado a esposa e outros familiares.

Considerado o mais velho cantor e actor em actividade, desempenhou cerca de 1600 vezes um dos papéis principais da opereta ‘A Viúva Alegre’, de Franz Lehar. Participou em diversos filmes e séries de televisão, sobretudo alemães, e, em 2008, quando voltou à Holanda para actuar depois de várias décadas, o seu concerto foi acompanhado por fortes protestos devido ao seu passado controverso e sempre associado aos nazis.

Os seus últimos trabalhos foram a curta-metragem ‘Ten’, já este ano, e o single ‘Generationen’, de 2007.

ARTISTA ALEMANHA JOHANNES HEESTERS HITLER ACTOR CANTOR
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)