Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
5

Bandeira a meia-haste por Alçada Baptista

A Câmara Municipal da Covilhã anunciou esta terça-feira que a bandeira do município permanecerá a meia-haste durante três dias, em sinal de luto pela morte, no passado domingo, do escritor António Alçada Baptista, natural daquela cidade.
9 de Dezembro de 2008 às 14:55
Alçada Baptista morreu no passado domingo, aos 81 anos
Alçada Baptista morreu no passado domingo, aos 81 anos

"A Covilhã perdeu um dos seus melhores, que sempre amou a sua Terra,  prestigiando-a através de uma vida em que a palavra cultura adquiriu uma dimensão superior", refere um comunicado assinado pelo presidente da autarquia, Carlos Pinto.

O autarca, que salienta que a Covilhã esteve sempre presente na vida de Alçada Baptista, como cidadão e como escritor, recorda que a autarquia homenageou o escritor em 1999 com a Medalha de Mérito Municipal.

Ainda segundo adiantou Carlos Pinto, proximamente, a Câmara deliberará o reconhecimento público que perpetuará a memória de Alçada Baptista, que morreu domingo, aos 81 anos. O funeral realizou-se ontem, em Lisboa.  

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)