Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

Carlos do Carmo diz adeus aos palcos em clima de apoteose

Antes do espetáculo, fadista foi aplaudido de pé por um Coliseu ao rubro. Marcelo e Costa assistiram ao concerto.
Miguel Azevedo 10 de Novembro de 2019 às 01:30
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
António Costa com Marcelo Rebelo de Sousa e António Guterres
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
António Costa com Marcelo Rebelo de Sousa e António Guterres
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
Carlos do Carmo despede-se dos palcos
António Costa com Marcelo Rebelo de Sousa e António Guterres
Foi em Lisboa que começou a cantar no início dos anos 60, no então restaurante dos pais, O Faia, e foi em Lisboa, no Coliseu dos Recreios, que se despediu, este sábado, dos palcos.

Carlos do Carmo, o ‘Charmoso’ como é conhecido no meio do fado, fez ouvir a sua voz pela última vez, perante uma sala lotada de amigos, familiares e fãs. Entre eles estavam duas figuras muito especiais: o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o primeiro-ministro, António Costa.

O espetáculo de sábado arrancou com a plateia de pé a receber Carlos do Carmo com um longa salva de palmas. ‘Vim para o Fado’ foi o tema escolhido para começar o concerto, acompanhado por uma projeção de imagens de vários momentos da vida do cantor. Seguiram-se ‘Gaivota’ e ‘Canoa’.

Se é verdade que os concertos de despedida em Braga e no Porto já tinham sido de enorme carga emocional para o fadista ("Eu não sou de chorar em palco, mas foi difícil aguentar as lágrimas"), o derradeiro espetáculo não foi menos emotivo. Ainda mais ao saber que ia ser distinguido por António Costa com a medalha de Mérito Cultural pelo seu "inestimável contributo" para a música portuguesa.

Recorde-se que Carlos do Carmo despede-se dos palcos, mas não da música e muito menos do fado. "Nem pensar nisso!", dizia ao CM. O cantor está mesmo a trabalhar num novo disco que deverá chegar no próximo ano. Até à hora de fecho da edição, o concerto do fadista ainda decorria.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)