Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

CARMEN DOLORES VOLTA AO TEATRO COM PEÇA INGLESA

Carmen Dolores, actriz que se tem mantido afastada dos palcos nos últimos anos, é uma das protagonistas do próximo espectáculo de João Lourenço para o Teatro Aberto.
27 de Fevereiro de 2003 às 00:00
Referimo-nos a “Copenhaga”, uma peça do dramaturgo britânico Michael Frayn que recorda a ocupação nazi na Europa e que contará ainda com interpretações de Luís Alberto e Paulo Pires.

Em Copenhaga, encontram-se o físico dinamarquês Niels Bohr e o seu ex-aluno Werner Heisenberg, director do programa nuclear nazi e ambos Prémios Nobel da Física... Este insuspeito encontro talvez tenha sido decisivo para impedir que os alemães criassem a bomba atómica depois da Segunda Guerra Mundial.
O texto, que tem sido montado com êxito em cidades como Londres, Paris e Nova Iorque, chega a Lisboa cumulada de prémios. Entre eles, três Tony e um Outer Critic (em Nova Iorque), a distinção do “Evening Standard” e do “Critic’s Circle”, e o reputado Lawrence Olivier (em Londres). Em Paris, a peça de Michael Frayn ganhou dois prémios Molière.

No espectáculo de João Lourenço, Carmen Dolores interpretará o papel de Margre-the Bohr, enquanto Luís Alberto fará de Niels Bohr e Paulo Pires de Werner Heisen- berg. “Copenhaga” – que foi traduzido por Vera San Payo de Lemos – terá cenografia de Henrique Cayatte e João Lourenço e figurinos de Maria Gonzaga.
A estreia está prevista ainda para o mês de Março e o espectáculo ficará em cena, na Sala Vermelha, de quarta a sábado às 21h30 e domingos às 16h00.
Ver comentários