Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

Cats em cenários de tamanho gigante

Horas antes de a gata Grizabella e a sua trupe subirem ao palco do Coliseu do Porto, ontem, no cenário já se via uma grande lua ao fundo, um fogão, um pneu e uma mala de um carro. Tudo em tamanho gigante, para o cenário de ‘Cats’ se aproximar, em proporção, à forma como os (verdadeiros) gato vêem a realidade.
13 de Setembro de 2006 às 00:00
‘Cats’, o musical que há mais tempo está em cartaz, chegou ontem à Invicta para 22 espectáculos. Já lá vão quase 25 anos de actuações, desde 11 de Maio de 1981, quando o musical se estreou no New London Theatre, na capital britânica.
Dos 22 gatos que pisaram o palco pela primeira vez, já não resta nenhum. A produção britânica do espectáculo impõe, desde aí, uma rotatividade no elenco, de forma a rejuvenescê-lo e a evitar o cansaço. Uma ‘táctica’ que é também usada em séries de televisão de longa duração como o caso nacional ‘Morangos com Açúcar’.
Desde o início, os ‘gatos’ mais famosos do Planeta já passaram um pouco por todo o Mundo, tendo arrecadado inúmeros galardões.
No palco conta-se a história de Grizabella, a gata que regressou depois de descobrir o ‘mundo’, para reencontrar os amigos. Resolve aparecer no dia em que os Jellicle Cats, o grupo a que outrora pertencera, se reúne num baile anual. Esperam-se muitas surpresas a partir daqui, sempre com a lua ao fundo, e o cenário repleto de espinhas... ou não se estivessemos a falar de gatos.
Paulo Dias, administrador da produtora UAU, que está a organizar o espectáculo em Portugal, adiantou ao CM que “ainda não há nenhum dia esgotado”, embora já tenham sido vendidos 21 mil bilhetes até ontem A partir de 5 de Outubro, o Coliseu de Lisboa volta a receber o musical, dois anos depois da primeira vez que aí se apresentou.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)