Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

'Cinzas e Sangue' em estreia (COM VÍDEO)

Actriz francesa experimenta a realização num drama familiar austero e intenso
6 de Janeiro de 2010 às 18:23
Uma família exilada regressa às origens
Uma família exilada regressa às origens FOTO: D.R.

‘Cinzas e Sangue’, um drama filmado pela actriz francesa Fanny Ardant, chegou aos cinemas nacionais e mostra, em tons negros, a tragédia de uma família romena no regresso ao seu país.

Depois de um exílio de uma década, Judith resolve voltar a casa, após muita insistência dos filhos que querem conhecer as suas raízes. Mas este regresso às origens vai pôr a nu todos os traumas da jovem viúva, fugida da sua terra depois do assassinato do marido.


Velhos segredos podem vir ao de cima e, em tempos de festejos – o pretexto do regresso a casa fora o casamento de uma prima da família –, a tragédia vai abater-se sobre todos quando se reavivam velhos ódios entre duas famílias rivais. A tradição e os costumes falam mais alto do que os laços de sangue e a honra está em cheque neste filme sensorial.

Um filme austero, de uma beleza crua e formal, onde contam, quase só, os afectos interpretados com honestidade pelo elenco desta produção que conta também com a assinatura de Paulo Branco.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)