Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

"Como não fazer um filme de rock": 'Stardust' retrata David Bowie antes da fama mas está a ser arrasado

Crítica internacional não poupa críticas ao filme realizado por Gabriel Range.
Correio da Manhã 27 de Novembro de 2020 às 18:09
'Como não fazer um filme de rock': 'Stardust' retrata David Bowie antes da fama mas está a ser arrasado
'Como não fazer um filme de rock': 'Stardust' retrata David Bowie antes da fama mas está a ser arrasado FOTO: Direitos Reservados
'Stardust', o filme que retrata a digressão de David Bowie nos Estados Unidos em 1971 - na promoção do álbum "The Man Who Sold The World" - ainda antes do 'camaleão' se tornar amplamente reconhecido no mundo da música, está a ser arrasado pela crítica internacional.

"Como não fazer um filme de rock", escreve a Rolling Stone sobre o trabalho realizado por Gabriel Range. A interpretação de Johnny Flynn também ficou aquém para os muitos críticos de cinema. As parcas parecenças entre Flynn e Bowie também não escapam ao olhar mais desatento por este trabalho cinematográfico.

Outra das grandes críticas apontada ao filme é a 'banda sonora'. A família de Bowie não permitiu a utlização das músicas do artista no vídeo. Por isso, o ator e músico Johnny Flynn foi 'obrigado' a cantar algumas versões de outros artistas, que Bowie interpretava na época.





Ver comentários