Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

Comuna estreia Beckett

Uma Maria do Céu Guerra velha e gorda e um Carlos Paulo velho e esquelético são os protagonistas de ‘Todos os que Caem’, espectáculo que João Mota estreia esta noite na Comuna e que assinala o arranque das comemorações do centenário de Beckett em Lisboa.
20 de Janeiro de 2006 às 00:00
Escrita originalmente para rádio, a peça praticamente não tem acção. Aqui se conta a viagem da velha Maddy até à estação ferroviária, onde vai buscar o marido, o sr. Rooney. Uma viagem cheia de dificuldades, dado o peso e a idade excessiva da senhora...
Entretanto, incapaz de estar calada, Maddy vai desenrolando um discurso por onde perpassam os temas habituais do dramaturgo irlandês (Nobel em 1969): a decrepitude física, o pavor da morte, o sem-sentido da vida.
João Mota dá uma piscadela de olho ao teatro radiofónico, pondo os actores, sentados em cena, a fazer a sonorização do espectáculo com a voz ou objectos vários.
‘Todos os que Caem’ é um espectáculo de humor negro que vale a Maria do Céu Guerra e Carlos Paulo excelentes prestações.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)