Cópia privada rende 9,6 mil milhões de euros

Receitas com direitos de autor atingiram cerca de 44 milhões de euros só em Portugal.
Por Sónia Dias|09.11.18
  • partilhe
  • 0
  • +
As receitas mundiais dos direitos de autor sobre cópia privada geraram um recorde de 9,6 mil milhões de euros em 2017, o que representa um crescimento de 6,2% em comparação com o ano anterior. Só em Portugal o rendimento foi de 44 milhões de euros, mais 5% que em 2016, segundo o relatório anual da Confederação Internacional de Sociedades de Autores e Compositores (CISAC), que coloca o nosso país em 24º lugar.

O setor da Música concentra o grosso das receitas (87%), com a cobrança mundial a atingir os 8,3 mil milhões de euros (subida de 6%). Já em Portugal, gerou cerca de 39 milhões (mais 5,5%).
Em alta estiveram, também, os setores do Audiovisual - rendeu 611 milhões de euros e cresceu 6,8% a nível global (2,1 milhões e subida de 0,3% em Portugal) - e da Literatura - com 227 milhões e um aumento de 5,2% (1,3 milhões e crescimento de 0,6% em Portugal).

No âmbito do relatório, o compositor francês Jean-Michel Jarre, presidente da CISAC, não poupou críticas aos gigantes da internet como o YouTube.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!