Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

Corrida de toiros de (com) lógica

A corrida de toiros anunciada para a tarde de hoje em Vila Franca de Xira, é o que se pode chamar uma corrida de (com) lógica. Não porque não inclua cavaleiros e forcados, porque, afinal, há lugar para todos e estes não têm razões de queixa, tal é a maioria dos espectáculos taurinos realizados anualmente em Portugal.
3 de Abril de 2005 às 00:00
José Luís Gonçalves alterna hoje com duas revelações de Espanha
José Luís Gonçalves alterna hoje com duas revelações de Espanha FOTO: d.r.
Tem lógica a corrida de hoje na praça Palha Blanco, porque corresponde às reivindicações dos aficionados ao toureio a pé, que deverão ser, de um modo geral, defensores também de toda a tauromaquia nacional. Se vão a Espanha, têm de ir igualmente ver matadores em Portugal. Não matam mas toureiam, e ainda por cima toiros adultos (de 4 anos cumpridos) e sem picadores.
Afinal, também há aí a tradição em Portugal. Os tempos (...) foram-na perdendo e agora já se pede mudança, para que não haja tanta repetitividade. Por isso, há lógica esta tarde.
Depois, há toda uma história de dignos matadores portugueses (e V.F. de Xira sabe-o bem!) que tem de prosseguir. Afirmando-se cá e lá fora. E para que do lado de lá aceitem os nossos, melhor é trazer cá alguns de lá...
Mas há uma lógica fundamental! Os sonhos que se vivem nas escolas de toureio têm de ser igualmente alimentados nas corridas de toureio a pé em praças nacionais. Os alunos, incentivados por aficionados e entidades oficiais, têm de sentir que também por cá podem um dia ser ‘figuras respeitadas’, com mais ou menos sucesso alcançado no estrangeiro. É preciso que vejam ‘ao vivo’ aquilo que, em grande e completa parte, vêem lá fora.
Manda a lógica que todos aproveitem estas poucas, mas louváveis, oportunidades como a de hoje, em Vila Franca de Xira.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)