Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

DALI ROUBADO DE PRISÃO AMERICANA

Quatro guardas prisionais de uma prisão de Nova Iorque foram considerados culpados pelo roubo de uma pintura que o pintor espanhol Salvador Dalí ofereceu, em 1965, aos reclusos. O furto foi descoberto no início de Março já que os ladrões deixaram uma moldura diferente numa cópia do quadro, que se encontrava pendurado na sala de visitas.
19 de Junho de 2003 às 00:00
A administração da prisão de Rikers Island suspeitou de imediato dos quatro guardas, que na noite anterior tinham organizado um inédito simulacro de incêndio. Tão estranho que obrigaram um guarda que nunca deixava o seu posto a fazê-lo naquele preciso momento.
Os guardas tencionavam vender a pintura por mais de 500 mil euros no mercado negro. Mas, o roubo foi descoberto antes do esperado e, agora, os guardas enfrentam uma pena de prisão que pode ir atá aos 15 anos.
Este insólito grupo era formado por guardas de alta patente e, um deles, é até conhecido pelo seu talento como pintor.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)