Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
9

De Oliveira a Tim Burton nas escolas do País

São 37 os filmes que compõem a lista de filmes que 23 escolas portuguesas irão mostrar aos alunos, desde o 5º ao 12º anos. Para já, o projecto-piloto arranca apenas para os 5º, 7º e 10º anos, abrangendo cerca de três mil alunos, de Norte a Sul.
21 de Setembro de 2012 às 11:48
'A Noiva Cadáver' vai ser visto pelos alunos do 7º ano
'A Noiva Cadáver' vai ser visto pelos alunos do 7º ano FOTO: D.R.

Manoel de Oliveira e Tim Burton são os cineastas de referência mais representados, respectivamente com obras como 'Aniki-Bobó' (1942), 'Eduardo, Mãos de Tesoura' (1990), mas também constam nesta lista nomes como Kiarostami, Spielberg ou Hitchcok. 

Os critérios de selecção contemplam a "diversidade, os vários géneros cinematográficos e as proveniências", considerando também "a ligação aos conteúdos escolares", como salientou a coordenadora do plano, Graça Lobo na apresentação do projecto, esta sexta-feira, na Cinemateca Portuguesa, em Lisboa. O evento foi conduzido pelos secretários de Estado da Cultura, Francisco José Viegas, e da Educação e Ensino Básico, Isabel Leite, organismos parceiros nesta iniciativa.

Os filmes serão discutidos nas salas de aula e o seu conteúdo terá ligação ao curriculo do ano em questão e, no final de cada período escolar, os professores envolvidos levarão os alunos às salas de cinema.

Viegas destacou "o grande entusiasmo" da equipa coordenadora do projecto, bem como de todos os agentes envolvidos, lembrando que a iniciativa se implementa num "período de intensa contenção orçentamental" e Isabel Leite enalteceu a "adesão voluntária" das 23 escolas.

Integrado na nova Lei do Cinema - que entra em vigor em Outubro -, o Plano visa "promover a literacia no cinema, bem como a formação de novos públicos", frisou ainda o secretário de Estado da Cultura. E "formar um olhar crítico" a todos os alunos.

Para já, o projecto-piloto é apenas implementado em três níveis de escolaridade mas será posteriormente extensível a todos.

 

 

escolas cinema Manoel de Oliveira Tim Burton Francisco José Viegas Cultura
Ver comentários