Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
2

"É mesmo o Arnold com menos 20 anos”

McG Realizador de ‘Exterminador Implacável: A Salvação’, em exibição em Portugal, conta como foi trabalhar com Christian Bale, reconstruir digitalmente Schwarzenegger e observar o segredo de James Cameron.
7 de Junho de 2009 às 00:30
'É mesmo o Arnold com menos 20 anos”
'É mesmo o Arnold com menos 20 anos”

Correio da Manhã – Foi difícil convencer Christian Bale a vestir a pele de John Connor?

McG – Tive de lhe torcer um braço... [risos] Não. Ele gosta mesmo de representar e este filme vive muito disso. Lembra-se de ‘O Maquinista’, em que ele quase morreu por perder tanto peso? Foi decisivo tê-lo a bordo. Sem o Christian, não teria feito o filme.

– Qual foi o estímulo para avançar, depois das várias sequelas?

– Quis fazer o melhor filme possível. Inicialmente, foi um desafio, pois os dois primeiros filmes da série colocaram a fasquia bastante alta. Já o terceiro roçava um pouco a farsa. Pretendi abordar o que aconteceria após o dia do Juízo Final. Fiz o filme que queria, mas não é para todos.

– Como conseguiu trazer Arnold Schwarzenegger [actor nos três primeiros filmes da série e actual governador da Califórnia] de volta?

– Estive sempre em contacto com o James Cameron e o Arnold Schwarzenegger, pois queria que a ‘aparição’ dele fosse conseguida. A ideia era fazer um novo filme, mas também queria trazer de volta o ‘Exterminador’. Por isso, falei com os tipos da Industrial Light & Magic, que fizeram uma reconstrução digital perfeita dele. Acho que o resultado é convincente. É mesmo ele, mas com menos 20 anos.

– Durante as conversas com o James Cameron, desvendou um pouco do segredo em redor de ‘Avatar’, o próximo projecto do criador de ‘Exterminador Implacável’?

– Sim. Estive no estúdio, usei as câmaras dele e vi o que ele filmou. É muito avançado. O James Cameron é o meu herói. Além disso, usa o Sam Worthington que eu usei em ‘Exterminador Implacável: A Salvação’... [risos].

– Acha mesmo que chegaremos a um ponto ‘antes’ e ‘depois’ de ‘Avatar’?

– Não sei. Todo o sistema de câmaras é completamente novo, bem como o universo de foto-realismo.É como um filme tridimensional em todo o redor. É incrível. Mas a história vem primeiro. Por isso, vamos ver...

PERFIL

McG é o nome artístico de Joseph McGinty Nichol, realizador norte-americano, de 40 anos. Ganhou fama e prémios nos telediscos e passou para o cinema com ‘Os Anjos de Charlie’, em 2000.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)