Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
2

Famosos unem-se em manifestação pela Cultura no Campo Pequeno

Aurea, Mariza e Jessica Athayde foram algumas das artistas que se juntaram em manifestação para salvar a Cultura.
Melissa Silva e Sónia Dias 22 de Novembro de 2020 às 01:30
Agir no Campo Pequeno
A fadista Mariza
Tony Carreira fez questão de estar presente
Jessica Athayde e Filipe Vargas na manifestação
Bárbara Bandeira
Salvador Sobral acompanhado pela mulher, Jenna Thiam
João Gonçalves, Rui Bento e Luís Pombeiro com a mulher, Vera
A fadista Carminho
Agir no Campo Pequeno
A fadista Mariza
Tony Carreira fez questão de estar presente
Jessica Athayde e Filipe Vargas na manifestação
Bárbara Bandeira
Salvador Sobral acompanhado pela mulher, Jenna Thiam
João Gonçalves, Rui Bento e Luís Pombeiro com a mulher, Vera
A fadista Carminho
Agir no Campo Pequeno
A fadista Mariza
Tony Carreira fez questão de estar presente
Jessica Athayde e Filipe Vargas na manifestação
Bárbara Bandeira
Salvador Sobral acompanhado pela mulher, Jenna Thiam
João Gonçalves, Rui Bento e Luís Pombeiro com a mulher, Vera
A fadista Carminho
Uma manifestação pacífica, mas marcada pela emoção. Foram muitos os rostos famosos que se reuniram este sábado, no Campo Pequeno, em Lisboa, para apoiar o setor da Cultura nas suas mais variadas vertentes, desde a música ao cinema, passando pelo teatro e pela tauromaquia.

“Nós precisamos de ajuda! Queremos trabalhar! Deixem-nos trabalhar! Porque é a única coisa que sabemos fazer”, disse ao CM uma Mariza visivelmente preocupada com o futuro de um setor que está a ser duramente afetado pela pandemia. “Já não é só a profissão, são as nossas vidas. Se não trabalharmos não vivemos”, acrescentou a fadista.

A revolta é partilhada por Aurea, que pede mais apoios do Governo. “Está na altura de se fazer alguma coisa, estamos todos a sofrer com isto. O Governo tem de começar a apoiar mais o nosso setor, que está num estado crítico”, afirmou a cantora, que não conteve as lágrimas ao ouvir as palavras de alguns colegas que subiram ao palco. “É impossível não nos emocionarmos com os discursos que ouvimos aqui. Eu amo aquilo que faço, amo a minha vida. Falando pessoalmente é muito complicado não utilizar o palco e não poder fazer o meu trabalho”, concluiu a artista.

Carlão, Tony Carreira, Agir, Jel, Bárbara Bandeira, Salvador Sobral, Carminho, Jessica Athayde, Filipe Vargas, Luís de Matos, João Gil e Marisa Liz foram alguns dos artistas que se juntaram a esta causa, que também contou com mais de 130 figuras da tauromaquia. Os cavaleiros Manuel e António Ribeiro Telles, Rui Bento, João Gonçalves, Luís Pombeiro, Rui Salvador, Francisco Palha, Manuel Dias Gomes e dezenas de forcados e empresários tauromáquicos fizeram questão de marcar presença neste protesto a convite da APEFE – Associação de Promotores de Espectáculos, Festivais e Eventos.

“Como dizia Marisa Lins, ‘A Cultura define a identidade de um povo’. E a Tauromaquia é uma cultura popular fortemente enraizada em todo o País há muitas gerações. Faz e fará sempre parte da Cultura”, disse ao CM o empresário Luís Pombeiro.
Ver comentários