Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

Fantas concorre ao Rivoli

A cooperativa Cinema Novo, organizadora do Fantasporto, admitiu candidatar-se ao concurso aberto pela Câmara do Porto para a gestão privada do Teatro Rivoli. Em comunicado, a Cinema Novo refere que a sua participação no concurso visa “tentar defender a imagem de um Porto cultural com uma programação de qualidade”.
27 de Julho de 2006 às 00:00
Para a cooperativa, a eventual alteração de conceitos de qualidade “poderá levar ao fim de muitos dos eventos que emergiram no pós-25 de Abril na cidade e que são a ‘marca’ da mesma, tais como o FITEI e o Fantasporto”, festivais internacionais de Teatro de Expressão Ibérica e de Cinema do Porto, respectivamente.
A Câmara do Porto aprovou terça-feira o início de consultas para a concessão a privados da gestão do Teatro Rivoli, mantendo-se o edifício propriedade da autarquia.
O presidente da Câmara, Rui Rio, enquadrou a medida na política de contenção e moralização dos gastos do Estado.
No comunicado a Cinema Novo salienta que Rui Rio já deu “garantias públicas em relação à realização do Fantasporto 2007, nas datas previstas (19 de Fevereiro a 4 de Março), no Rivoli - Teatro Municipal”. A cooperativa tem agendada para segunda-feira uma reunião com o vereador da Cultura na Câmara do Porto, Fernando Almeida.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)