Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

Festival arranca morno

O Delta Tejo, festival musical dedicado a artistas de países produtores de café, teve ontem um arranque morno no Alto da Ajuda, em Lisboa. O recinto demorou a encher num dia em que os brasileiros, habitualmente em grande peso nas outras edições do evento, compareceram em muito menor número.
3 de Julho de 2010 às 00:30
Músicos não conseguiram lotar o recinto do festival na noite inicial
Músicos não conseguiram lotar o recinto do festival na noite inicial FOTO: Vasco Neves

A organização do Delta Tejo até tivera o cuidado de instalar um ecrã gigante para que os adeptos da ‘canarinha’ pudessem assistir ao Brasil-Holanda, dos quartos-de-final do Mundial da África do Sul, mas o precoce adeus dos sul-americanos terá abalado o ânimo dos compatriotas imigrados em Portugal.

Foi para uma plateia ainda muito despovoada que a banda brasileira Natiruts fez o primeiro concerto da edição de 2010 no Alto da Ajuda, apresentando a sua variedade de reggae, que mistura sonoridades do Brasil e da Jamaica.

Mais animada ficou a noite com a chegada de Carlinhos Brown, embora em frente ao palco continuasse a haver clareiras. O brasileiro conquistou adolescentes e adultos sub-30 graças a temas do projecto Tribalistas. Quando chegou a hora de cantar o êxito ‘Velha Infância’, Brown desceu do palco, aproximou-se das grades para entoar os versos "Eu Gosto de Você/ E gosto de ficar com você/ Meu riso é tão feliz contigo/ O meu melhor amigo/ É o meu amor’.

Já depois do fecho desta edição actuaram, no Delta Tejo, entre outros, os portugueses Buraka Som Sistema e o jamaicano Shaggy.

Em declarações ao CM, Rui Miguel Nabeiro, neto de Rui Nabeiro, fundador da Delta Cafés, garantiu conhecer bem as músicas de parte dos integrantes do cartaz, incluindo Natiruts, Carlinhos Brown e Shaggy. "Não é costume os festivais juntarem músicos do Hemisfério Sul", disse, assumindo que o festival é dirigido a jovens.

DETALHES

DIVERSÕES VARIADAS

Enquanto a música não começava, alguns jovens resolveram passar o tempo na roda gigante ou a fazer bungee jumping.

ACTRIZES NA PLATEIA

Apesar de a afluência de público ter ficado abaixo do normal, no primeiro dia do Delta Tejo foram ao Alto da Ajuda jovens actrizes como Rita Pereira e Sofia Arruda.

NOITE DE SÁBADO

A fadista Ana Moura e a brasileira Ana Carolina são as grandes actuações desta noite.

ENCERRA NO DOMINGO

Para o derradeiro dia do Delta Tejo ficam reservados concertos de Martinho da Vila, Asa de Águia ou Paulo Flores. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)