Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

Festival da Eurovisão envolvido em escândalo depois de assistentes serem "apalpadas"

Episódio ocorreu durante uma festa de promoção do evento, com a presença de artistas, cantores, dançarinos e convidados VIP.
João Saramago 12 de Maio de 2022 às 21:30
Eurovisão tem lugar em Turim
Eurovisão tem lugar em Turim FOTO: Getty Images

O Festival da Eurovisão da Canção ficou envolvido num escândalo sexual depois de várias assistentes voluntárias declararem que foram "apalpadas" numa festa de promoção.

A festa contou com a presença de artistas, cantores, dançarinos e convidados VIP, avança o jornal britânico Daily Mail.

A Eurovisão – que organiza o concurso anual da canção – negou as acusações, mas associações feministas de Itália reclamam que seja realizado um inquérito policial com caráter urgente.

O jornal italiano Corriere Della Sera noticiou que várias voluntárias que participaram da festa recordam uma noite aterrorizante de assédio.

"Estava com outra rapariga e um grupo de dançarinos estrangeiros começou a olhar para nós. Começaram a dançar junto de nós e fomos apalpadas", referiu uma mulher ao jornal italiano.  

A festa foi realizada no último domingo no Palácio Venaria, antiga residência real nos arredores de Turim, e contou com participantes de mais de 40 países.

O grupo de mulheres Not One Less contesta a organização do  evento ter negado as acusações das voluntárias.

Eurovisão assistentes assédio apalpadas escândalo sexual artes cultura e entretenimento
Ver comentários
}