Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
4

Festival Islâmico está de volta a Mértola

São esperadas cerca de 50 mil pessoas no certame que regressa à vila alentejana após dois anos de ausência.
José Lameiras 21 de Maio de 2022 às 10:52
Animação de rua anima o festival islâmico que se realiza no centro histórico de Mértola
Animação de rua anima o festival islâmico que se realiza no centro histórico de Mértola FOTO: CMTV
Dois anos depois, Mértola volta a ter o seu Festival Islâmico, que enche as ruas do centro histórico de cheiros e sabores que transportam o visitante para outras paragens. Este ano, o festival chegou a outras ruas, tornando-o mais amplo e permitindo uma melhor circulação aos 50 mil visitantes esperados.

O mercado, ou ‘souk’, é uma das grandes atrações. Nas bancadas encontram-se os mais variados produtos, desde artesanato, doçaria, produtos regionais alentejanos, música, arte e, também, tecidos provenientes de outros países, como Marrocos, Tunísia, Egito ou Espanha. Para comprar, há sempre a hipótese de regatear o melhor preço, conforme o ritual árabe. Inesperadamente, surge animação no mercado, com uma dançarina acompanhada pelos seus músicos.

Mário Tomé, presidente da autarquia, tem esperança de que esta seja a melhor edição de sempre: “Depois de dois anos em que não foi possível realizar este festival, penso que as pessoas têm ainda mais vontade de vir, de participar, de passar aqui bons momentos. Temos um espaço mais amplo, temos uma centena de expositores e acredito que esta será a melhor edição de todas.”

Com hotéis e restaurantes cheios em Mértola, o autarca defende que esta iniciativa, que termina já este domingo, é fundamental para a economia do concelho: “Recebemos muita gente nestes dias, faz-se negócio e depois tiram-se dividendos mais tarde, pois é uma boa forma de mostrar o que é Mértola.”
Islâmico Mértola política autoridades locais artes cultura e entretenimento cultura (geral)
Ver comentários
}