Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

Fotografias gigantes invadem a cidade

Usar o “poder imensurável” da imagem para ajudar “a consciencializar que o Planeta está em sofrimento” é o objectivo de uma megaexposição de fotografia que foi inaugurada ontem no Jardim Luís de Camões, na cidade de Leiria.
26 de Setembro de 2007 às 00:00
Filipe Silva acompanhou a colocação das fotos
Filipe Silva acompanhou a colocação das fotos
Da autoria do fotógrafo leiriense Filipe Silva, de 33 anos, ‘Sobreviventes’ é uma exposição “inovadora” de 105 fotos e 40 painéis didácticos de grandes dimensões. Segundo o fotógrafo, o facto de o trabalho estar na rua faz com que as suas imagens e a mensagem que pretende transmitir partam “ao encontro da população, invadindo a cidade”.
Fruto de dois anos de trabalho, a exposição pretende “dar a conhecer diferentes ecossistemas, habitats e espécies que estão em risco se o Mundo não se unir numa luta a favor da Terra”.
Através das imagens, Filipe Silva mostra “pedaços de natureza a toda a população, contribuindo para a consciencialização geral para a preservação”.
A iniciativa – que se insere no evento Fotonaturis, criado há um ano pelo artista – tem ainda uma vertente didáctica que contempla actividades relacionadas com a fotografia e a natureza.
A exposição e todas as actividades paralelas estão patentes até ao dia 4 de Outubro e o acesso é gratuito.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)