Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

Frank Gehry desiste do Museu da Tolerância

Reputado arquitecto abandona projecto em Jerusalém
16 de Janeiro de 2010 às 17:28
Um detalhe do projecto de Gehry
Um detalhe do projecto de Gehry FOTO: D.R.

A construção do Museu da Tolerância, desde cedo, levantou polémicas mas a última leva o projecto quase à estaca zero. Frank Gehry, reputado arquitecto canadiano (naturalizado norte-americano), desistiu do projecto e já avisou o Centro Simon Wiesenthal, patrocinador do museu, de que não poderá usar o desenho.

O Centro procura agora um novo arquitecto para o edifício que se deverá instalar bem no centro da Cidade Santa, numa superfície de 30 mil metros quadrados.

Gehry é autor dos reputados Museu Guggenheim em Bilbau ou da sala de concertos da Walt Disney em Los Angeles.

Em 2006, chegou a ser contratado pela Câmara de Lisboa (então presidida por Santana Lopes) para realizar o projecto do novo Parque Mayer) mas o acordo foi cancelado posteriormente por António Costa.

Ver comentários