Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

Gabriel García Marquez teve filha com jornalista mexicana nos anos de 1990

Escritor colombiano manteve o secretismo do aspeto íntimo da sua vida pessoal longe do público durante décadas.
Lusa 18 de Janeiro de 2022 às 10:09
Gabriel García Márquez morreu a 17 de abril de 2014, na sua residência na Cidade do México, aos 87 anos.
Gabriel García Márquez morreu a 17 de abril de 2014, na sua residência na Cidade do México, aos 87 anos. FOTO: Reuters
O escritor colombiano Gabriel García Marquez teve uma filha com uma jornalista mexicana, com quem teve um caso extraconjugal nos anos de 1990, mantendo o secretismo daquele aspeto íntimo da sua vida pessoal longe do público durante décadas.

O segredo foi divulgado no domingo pelo jornal colombiano El Universal e confirmado pela agência de notícias AP por dois familiares do autor vencedor do Prémio Nobel da Literatura de 1982, famoso por romances como "Cem Anos de Solidão" e "O Amor nos Tempos de Cólera".

Gabriel García Marquez morreu na Cidade do México em 2014, onde milhares de leitores fizeram fila para ver o seu caixão numa sala concertos. O escritor foi casado por mais de cinco décadas com Mercedes Barcha e o casal teve dois filhos, Rodrigo e Gonzalo, tendo vivido no México durante grande parte das suas vidas.

O El Universal escreveu que, início dos anos de 1990, García Marquez teve uma filha com Susana Cato, escritora e jornalista que trabalhou com o colombiano em dois roteiros de filmes e que também o entrevistou para uma reportagem em 1996.

Susana Cato e Gabriel García Marquez chamaram à sua filha de Indira, que atualmente tem 30 e poucos anos e usa o apelido da mãe.

Shani García Márquez, uma das sobrinhas do escritor, disse à AP que sabia há anos sobre a existência da sua prima Indira, mas não a mencionou à imprensa, porque os seus pais pediram sempre que fosse discreta sobre a vida pessoal do seu tio.

Gabriel Eligio Torres García, que também é sobrinho de Gabriel García Marquez, disse ter mantido contacto com Indira Cato através das redes sociais, embora nunca a tenha conhecido pessoalmente.

"Os meus primos Rodrigo e Gonzalo falaram-me sobre ela casualmente num convívio", indicou.

Outros membros da família de Gabriel García Marquez, citados pelo El Universal, disseram que não falaram sobre a filha do escritor anteriormente por "respeito" a Mercedes Barcha, que morreu em agosto de 2020.

Torres García disse que Susana Cato também foi discreta sobre a linhagem da sua filha, para mantê-la longe dos holofotes da imprensa.

Atualmente, Indira Cato é produtora de documentários na Cidade do México, tendo já ganhado prémios por uma película realizada em 2014 sobre migrantes que passam pelo México.

"Tem um estilo de vida muito artístico, como muitas pessoas nesta família. Ficamos muito felizes por ela estar a brilhar sozinha", observou Shani García Márquez.

Ver comentários