Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

GEORGE MICHAEL ALOJA FÃ

Uma mulher desconhecida esteve quatro dias escondida na casa londrina onde habita o cantor britânico George Michael, sem que este se apercebesse. De acordo com informações avançadas pela Imprensa britânica, a fã aproveitou o facto da casa de George Michael ter uma sala desnivelada e suspensa sobre estacas, para acampar por baixo do referido compartimento.
18 de Setembro de 2004 às 00:00
“Não fazia a mínima ideia que ela estava lá”, afirmou o cantor. “Estava ao telefone com um amigo quando ouvi alguém a chamar-me. Então ela veio apresentar-se, assim de repente. Quando comecei a falar com ela disse-me que já lá estava há quatro dias”, esclareceu o intérprete de ‘Faith’.
Apesar do cordial diálogo, George Michael acabou por chamar a polícia para deter a intrusa, que ainda ofereceu resistência, tendo inclusivamente agredido na cara um dos agentes.
Semanas mais tarde, a invasora reincidiu no crime e foi encontrada, novamente, no jardim da mansão de George Michael, em Hampstead, uma das zonas nobres de Londres.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)