Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

George Michael diz ter estado à beira da morte

O cantor britânico George Michael, que regressou sexta-feira a casa depois de um mês passado num hospital de Viena, na Áustria, a tratar-se de pneumonia, confessou que esteve à beira da morte durante este período – que classifica como “o pior mês da sua vida” – e revelou que os médicos tiveram de lhe realizar uma traqueiostomia para que conseguisse respirar e que o mantiveram ligado a uma máquina, sem a qual não teria sobrevivido. Visivelmente mais magro e sensibilizado, a tentar conter as lágrimas, George Michael disse ainda aos jornalistas que preferia não entrar em mais pormenores – para não assustar a sua família – e agradeceu muito aos médicos que o salvaram.
23 de Dezembro de 2011 às 17:58
George Michael sofreu uma pneumonia viral, mas os médicos sublinham que o seu estado de saúde é, de resto, bom. Aos 48 anos, já está em casa a recuperar
George Michael sofreu uma pneumonia viral, mas os médicos sublinham que o seu estado de saúde é, de resto, bom. Aos 48 anos, já está em casa a recuperar FOTO: d.r.

“Estive entre cá e lá durante algum tempo”, disse o cantor, que mal conseguia falar, sem fôlego. “Mas desde que acordei, há dez dias, não parei de agradecer ao pessoal médico que me salvou a vida. Estou muito fraco, mas sinto-me muito bem – se não fosse já uma pessoa espiritual, esta experiência ter-me-ia transformado”, acrescentou, desejando um “feliz Natal” aos jornalistas que se juntaram frente à sua residência no Norte de Londres, Inglaterra.

 

George Michael – que disse ainda que os médicos o desaconselharam a falar muito nesta fase de recuperação e que pretendia escrever sobre este período negro da sua vida – estava em Novembro passado na Áustria, no âmbito da sua digressão europeia, quando teve de cancelar os seus espectáculos devido a uma pneumonia viral. 

Apesar de se tratar de uma doença perigosa, passível de causar a morte em pessoas mais frágeis, pode ser tratada e os médicos fizeram questão em sublinhar o facto de George Michael, de 48 anos, estar, de resto, de boa saúde.

Cultura Música George Michael pneumonia morte
Ver comentários