Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
5

GOMES CANOTILHO RECEBE PRÉMIO PESSOA

O constitucionalista e professor catedrático de Direito José Joaquim Gomes Canotilho é o vencedor da edição deste ano do Prémio Pessoa, um dos mais importantes galardões atribuídos em Portugal nas áreas da Cultura e Ciência.
19 de Dezembro de 2003 às 12:45
O anúncio foi feito esta sexta-feira pelo presidente do júri do prémio, Francisco Pinto Balsemão, durante uma cerimónia realizada no Palácio dos Seteais, em Sintra.
A entrega do prémio a Gomes Canotilho foi justificado pelo júri pelo facto da sua obra constituir uma referência no domínio do Estado de Direito para sucessivas gerações de portugueses, tendo ainda salientado “a cultura humanista invulgar” do galardoado.
Entrevistado pela rádio TSF, o constitucionalista afirmou que sentiu uma “profunda alegria” com a atribuição do Prémio Pessoa, que considerou ser um “prémio para todos os juristas portugueses”. Em relação à sua pessoa, garantiu que o galardão não vai alterar em nada a sua maneira de ser e que vai continuar a entender a Constituição como “um compromisso jurídico-político constantemente nenovado”.
PERCURSO DE PRESTÍGIO
Doutorado pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, onde tem desenvolvido uma importante carreira docente, Gomes Canotilho, de 62 anos, é a primeira personalidade na área da Justiça a ser contemplada com este galardão.
Com uma obra vasta e prestigiada no domínio do Direito Constitucional, este professor catedrático é responsável pela Regência de Direito Constitucional na Licenciatura em Direito e na Licenciatura da Administração Pública, e pela cadeira de Direito Constitucional no Curso de Pós-Graduação de Direito de Ordenamento, Urbanismo e Ambiente.
Entre 1975 e 1976, Gomes Canotilho foi vice-reitor da Universidade de Coimbra durante o reitorado do Prof. José Joaquim Teixeira Ribeiro, tendo posteriormente feito a preparação do seu doutoramento (em 1982) na República Federal da Alemanha.
Durante o ano lectivo de 1989/90, desempenhou funções como vice-presidente do Conselho Directivo da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, tendo ainda sido Conselheiro de Estado entre 1995 e 2002.
Entre a lista de personalidades galardoadas com o Prémio Pessoa, cujo valor ascende este ano a 42.500 euros, encontram-se o historiador José Mattoso (1987), o poeta António Ramos Rosa (1988), o escritor Vasco Graça Moura (1995) e o cientista Manuel Sobrinho Simões (2002).
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)