Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

'LET IT BE' DOS BEATLES REEDITADO EM VERSÃO CRUA E SIMPLES

A editora dos Beatles vai voltar a editar o álbum “Let It Be”, de 1970, desta feita na sua versão mais simples, despojado de todas as orquestrações adicionadas pelo lendário produtor Phil Spector. A reedição respeitará, assim, o projecto original concebido por Paul MacCartney.
31 de Janeiro de 2003 às 00:00
“Ouvi o disco recentemente e foi uma sensação fantástica. Senti um aperto no peito por voltar a ouvir a banda de que fiz parte e a tranquilidade daquelas canções”, afirmou, a propósito, Ringo Starr. Grande parte do material de “Let I Be” foi gravado em 1969 para um disco e um filme que receberam, em conjunto, o título provisório de “Get Back”.

As gravações feitas na altura e inicialmente projectadas para servirem um disco de regresso às raízes dos Beatles, acabariam, contudo, por captar a agonia do grupo, já na sua fase de separação. Por isso foram temporariamente abandonadas, tendo sido recuperadas mais tarde por Lennon que as entregou a Phil Spector, para que as trabalhasse, algo que irritou profundamente McCartney.

HOMENAGEM A HARRISON

O baterista Ringo Starr anunciou, entretanto, que vai editar um novo álbum a solo, intitulado “Ringo Rama”, como homenagem ao falecido Beatle George Harrison.
O disco contará com uma companhia de luxo formada por Eric Clapton, David Guilmour (Pink Floyd), Willie Nelson e Timothy Schmidt (Eagles). O disco será editado a 25 de Março.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)