Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

MASSIVE ATTACK AO VIVO

Os britânicos Massive At-tack estão de regresso à estrada e vão passar pelo nosso País, para dois concertos no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, agendados para os dias 21 e 22 de Maio do próximo ano.
14 de Dezembro de 2002 às 00:00
Os bilhetes para os dois concertos em território luso são hoje mesmo postos à venda, ao preço único de 25 euros, e poderão ser encontrados nos locais habituais, assim como na bilheteira do Coliseu dos Recreios, através do ‘site’ plateia.iol.pt, e da Ticketline.
Nos concertos de Lisboa, ambos intregrados na digressão europeia de promoção ao novo álbum, a editar em Fevereiro.

O disco, de título “100th Window”, é o primeiro do grupo de Bristol nos últimos cinco anos e sucede ao aclamado “Mezzanine”. No novo registo, a banda de Robert "3-D" del Naja, Grant "Daddy G." Marshall e Adrian "Mushroom" Vowles, conta com a participação especial de nomes sonantes como Damon Albarn (líder dos Blur), Sinead O´Connor e Horace Andy.

Para divulgar este novo trabalho o colectivo anunciou recentemente as datas da sua próxima digressão.
Além dos concertos agendados para Portugal, a banda visitará ainda o Reino Unido, França, Espanha, Holanda e Alemanha.

Os Massive Attack surgiram em Bristol, corria o ano de 1987, e desde logo foram considerados uma das forças revolucionárias da música electrónica. Tudo devido à sua versão cinematográfica, hipnótica e sensual resultante da fusão de ritmos de hip-hop, com melodias soul, grooves dub e samplers incisivos. Algo que imediatamente foi rotulado de trip-hop.

O álbum responsável pela “revolução” foi Blues Limes (1991), ao qual se seguiram “Protection” (1994), “No Protection: Massive Attack Vs. Mad Professor” (1995), e finalmente o aclamado “Mez-zanine” (1998).

Ao longo dos últimos anos, os Massive Attack trabalharam com nomes tão sonantes como Tricky, Craig Armstrong, o cantor reggae Horace Andy ou Elizabeth Fraser (Cocteau Twins), entre muitos outros.
Ver comentários