Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

Moita escreve sobre Capra

O melhor e o pior da imigração italiana no início do século XX – personificada no realizador Frank Capra e no mafioso D. Vito Cascio Ferro – serviu de inspiração a Francisco Moita Flores para escrever ‘O Sangue da Honra’, romance que foi apresentado ao fim da tarde de ontem no Corte Inglés de Lisboa.

17 de Junho de 2009 às 00:30
Francisco Moita Flores na apresentação do seu mais recente livro
Francisco Moita Flores na apresentação do seu mais recente livro FOTO: Diogo Pinto

O livro, que na próxima semana também é lançado em Itália pela Sextante, teve honras de apresentação pelo director nacional da Polícia Judiciária, Almeida Rodrigues, e contou com a colaboração do jornalista António de Sousa Duarte. O autor, porém, diz querer que o leitor se divirta: "Se não se divertir, prometo fazer melhor da próxima vez."

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)