Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

Músico pioneiro do Woodstock morre aos 72 anos

Foi um dos rostos da abertura do mítico festival de Woodstock, em 1969: o americano Richie Havens, morreu na noite desta segunda-feira aos 72 anos.
23 de Abril de 2013 às 13:53
Ao longo da sua carreira, o nome maior da folk americana editou 29 discos, seis dos quais compilações de êxitos
Ao longo da sua carreira, o nome maior da folk americana editou 29 discos, seis dos quais compilações de êxitos FOTO: The Roots Agency/EPA

De acordo com o agente do cantor e compositor, citado pela agência Efe, Havens foi vítima de um ataque cardíaco fatal, em Jersey City.

Ao longo da sua carreira, o nome maior da folk americana editou 29 discos, seis dos quais compilações de êxitos.

Versátil na guitarra, Richie Havens nasceu em Brooklyn e manteve-se ligado à música até ao ano de 2010. Já o realizador Quentin Tarantino revigorou o culto no seu último filme, ‘Django Libertado’, ao incluir na banda sonora o tema ‘Freedom’.

richie havens woodstock guitarra freedom django libertado festivais folk óbito
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)