Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

Não quer ver os AC/DC? Peça o dinheiro de volta

Promotora devolve o dinheiro a quem não quiser ouvir Axl Rose.
Daniela Espírito Santo 21 de Abril de 2016 às 12:31
Os AC/DC desmentem, com trabalho, os rumores de que teriam terminado enquanto banda
Os AC/DC desmentem, com trabalho, os rumores de que teriam terminado enquanto banda FOTO: Reuters
Depois de alguma polémica e especulação, eis que surge a resposta oficial da promotora do espetáculo dos AC/DC em Lisboa. 

A Everything is New, responsável por trazer a banda ao país, anunciou, esta quinta-feira, que iria autorizar a "devolução do preço dos bilhetes" já adquiridos para o concerto a que não quisesse assistir ao espetáculo com Axl Rose no microfone, a solução que os AC/DC encontraram para fazer face à ausência forçada do vocalista Brian Johnson. 

"Como é do conhecimento geral, o vocalista dos AC/DC, Brian Johnson, foi proibido pela sua equipa médica de atuar na 2016 AC/DC Rock or Bust World Tour, por tal facto comprometer, de forma irreversível, qualquer recuperação do seu sistema auditivo", diz a empresa, numa publicação feita esta manhã no Facebook

"Perante este imprevisto de última hora, os AC/DC optaram por manter os compromissos assumidos (...) substituindo o seu vocalista por Axl Rose, convictos de manter intacta a qualidade artística a que o seu público está habituado", explicam. 


Quem tiver um bilhete indesejado, poderá devolvê-lo entre as 10h00 de sexta-feira, 22 de abril, e as 19h00 de terça-feira, 26 de abril, no local onde o ingresso foi adquirido. Os bilhetes que forem devolvidos passarão a estar imediatamente à venda novamente para os fãs que os queiram comprar. 

Recorde-se que a banda inicia a sua tour em Portugal, com um concerto marcado para 7 de maio (e que estava, até agora, esgotado).
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)