Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

O último adeus (COM VÍDEO)

Só o funeral da princesa de Gales, em 1997, superou os cerca de mil milhões de pessoas que terão assistido ontem – pela TV ou via internet – ao espectáculo com que família e amigos homenagearam o cantor Michael Jackson, falecido no dia 25 de Junho de ataque cardíaco.
8 de Julho de 2009 às 00:30
O último adeus (COM VÍDEO)
O último adeus (COM VÍDEO)

E apesar do irmão Jermaine Jackson ter afirmado recentemente que a celebração não pretendia ser um espectáculo, foi nisso mesmo que se tornou. Um show à altura do rei da pop a que não faltou emoção, como a intervenção da filha de Jackson, Paris Katherine, de 11 anos, que falou em público pela primeira vez. 'Foi o melhor pai que se podia imaginar', disse a criança, que Michael sempre escondeu zelosamente da multidão. Mas poucos poderão duvidar da autenticidade das suas lágrimas e da veracidade das suas palavras: 'Amo-te, paizinho'.

A cerimónia, em que actuaram muitos dos amigos de Michael Jackson – como Stevie Wonder, Mariah Carey ou Lionel Ritchie – foi, de resto, fértil em momentos emotivos. Desde uma Brooke Shields chorosa ao recordar o amigo (que muitos julgaram namorado), ao cantor de hip-hop Usher que se ajoelhou aos pés da mãe de Michael, muitos foram os pontos altos de uma festa absolutamente sem mácula.

E tudo na presença do caixão, colocado frente ao palco onde ensaiava para a a sua última digressão. Ao contrário do que chegou a ser noticiado, Michael não foi enterrado antes do memorial: o seu caixão dourado foi levado para o Staples Center, em Los Angeles, pelos próprios irmãos que, no fim da cerimónia, voltaram a levá-lo, de limusina, para o cemitério de Forest Lawn, em Hollywood .

O discurso de Marlon Jackson também foi significativo: 'Talvez agora te deixem em paz, irmão!'

SEPULTADO MAS SEM O CÉREBRO

Michael Jackson foi sepultado sem o cérebro por forma a determinar com exactidão a causa da sua morte. Coube à família decidir esperar três semanas pelos resultados ou avançar com o funeral nestas condições. Isto porque é fundamental a autópsia ao cérebro de Jackson, em parte para saber como morreu e, em parte, para saber como viveu, uma vez que os testes podem revelar doenças desconhecidas, abuso de álcool ou se Michael sofreu alguma overdose no passado.

SAIBA MAIS

HERANÇA DIVIDIDA

Michael Jackson dividiu a sua herança em três partes: 40 % para os três filhos, 40 % para a sua mãe, Katherine Jackson, e os restantes 20 % para instituições de caridade.

1 BILIÃO

De acordo com especialistas, o valor total da fortuna do cantor poderá ascender a um bilião (mil milhões) de dólares, o dobro do inicialmente calculado.

25 MILHÕES

O grandiosos espectáculo de ontem no Staples Center de Los Angeles custou a módica quantia de 25 milhões de dólares.

FUNDO LUCRA

O Fundo de Pensões Estatais da Holanda, ABP, investiu no catálogo musical de Michael Jackson e espera um lucro de, pelo menos, oito por cento.

Ver comentários