Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

Obra feita num dia conquista prémio

Galardão atribuído no 7.º aniversário da Casa das Histórias.
Ana Maria Ribeiro 19 de Setembro de 2016 às 15:50
Margarida Lestra Salvador junto ao quadro que lhe garantiu a vitória na primeira edição do Prémio Paula Rego
Margarida Lestra Salvador junto ao quadro que lhe garantiu a vitória na primeira edição do Prémio Paula Rego FOTO: David Martins
Um quadro de uma menina pequena a experimentar um soutien "ainda sem ter peitinhos" (sic) foi escolhido pela pintora portuguesa como vencedor da primeira edição do Prémio Paula Rego, atribuído este domingo, em Cascais, a Margarida Lestra Salvador.

A própria Paula Rego não pôde vir – "o médico não a deixou viajar" – mas o filho, Nick Willing, não só discursou em nome da mãe como mostrou um vídeo em que se vê a artista, de 81 anos, a apreciar algumas das 61 obras candidatas à distinção.

"A obra vencedora [comprada por Paula Rego por mil euros] vai ficar na parede, ao pé do Picasso e dos Goya da mãe", explicou Nick Willing.

Organizado no contexto da 2ª edição do FIC – Festival Internacional de Cultura, o 1º Prémio Paula Rego assinalou o 7º aniversário da Casa das Histórias Paula Rego, e destinou-se exclusivamente aos alunos da Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa. O professor Victor dos Reis diz que, por protocolo estabelecido com a pintora, será assim mais dois anos. Depois, o concurso deverá ser alargado a nível nacional.

Quanto à vencedora, Margarida Lestra Salvador tem 21 anos, terminou este ano o curso de Arte Multimédia e esta é a primeira obra que vende – uma peça que realizou num dia de trabalho. "Ainda não estou em mim", disse ao CM. "O prémio é de mil euros mas para mim tem um valor incalculável".

Os quadros a concurso saíram da Casa das Histórias ontem mas até 30 de outubro fica lá ‘Paula Rego, Old Meets New’.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)