Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

PALAVRAS ANDARILHAS EM BEJA

De 23 a 25 de Setembro decorre em Beja a VI edição de Palavras Andarilhas, um “encontro de aprendizes do contar” que reúne profissionais e entusiastas da arte de contar histórias.
30 de Agosto de 2004 às 14:23
Sendo um ponto de encontro de contadores nacionais e estrangeiros é um espaço de troca de conhecimentos e uma oportunidade de apresentar o que se vai criando nesta área.
O Grupo “O Contador de Histórias” vai estar presente a convite da organização (Biblioteca e Câmara Municipais de Beja e Ass. Para a Defesa do Património Cultural da Região) e irá apresentar algum do trabalho desenvolvido nos últimos anos. As actividades em que o Grupo de Tomar participa são as seguintes:
Dia 23-11.00H – Contos sem parar (sessão para crianças até aos 10 anos na tenda árabe)
Dia 23-15.00h – Sessão no Estabelecimento Prisional de Beja
Dia 23-18.30h – Sessão para pais e filhos – Papa Contos
Dia 24-10.00h – Sessão (a meias com Lúzia do Rosário) na EB2/3 de Beja
Dia 24-15.00h – Oficina “Como é que os livros dão volta à cabeça”
No Estabelecimento Prisional de Beja será apresentado algum do trabalho realizado durante este ano por Filipe Lopes junto de reclusos de Sintra e Tires. A Oficina “Como é que os livros dão volta à cabeça” vai contar com a presença de Luis Prina (ilustrador) e Nuno Garcia Lopes (escritor) que partem dos livros “De Pentear Macacos” e “De Dar Volta à Cabeça” para uma apresentação multimédia das histórias, dando a oportunidade aos participantes de conhecer a maneira como “crescem” os livros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)