Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
2

Poetisa Alda Merini morre aos 78 anos

A poetisa Alda Merini morreu este domingo aos 78 anos, vítima de doença prolongada, no hospital São Paulo de Milão.
2 de Novembro de 2009 às 12:20
Alda Merini dedicou a sua obra aos excluídos
Alda Merini dedicou a sua obra aos excluídos FOTO: dr

Considerada um dos maiores nomes vivos da poesia italiana, começou a publicar obras aos 15 anos. Títulos como ‘La Presenza di Orfeo’ (1953), ‘Nozze Romane’ (1955) ou ‘Tu Sei Pietro. Anno 1961’ (1962) marcaram a primeira fase da sua carreira, que se inscreveu entre a loucura e a lucidez.

Após duas décadas sem editar, a sua obra mais importante foi ‘A Terra Santa’ (1984), publicada pela Livros Cotovia em Portugal, e entre os seus trabalhos mais recentes estão ‘La Pazza Della Porta Accanto (1995) e ‘Folle, Folle d’Amore Per Te' (2002).

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)