Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

Polanski quer estar ausente durante a leitura da sentença

O realizador franco-polaco Roman Polanski, acusado de violar uma rapariga de 13 anos nos Estados Unidos em 1977, solicitou esta quinta-feira ao tribunal de Los Angeles que a sentença do julgamento seja lida na sua ausência.
7 de Janeiro de 2010 às 14:58
Polanski quer estar ausente durante a leitura da sentença
Polanski quer estar ausente durante a leitura da sentença

O juiz Peter Espinoza do Tribunal Superior de Los Angeles dirá se aceita o requerimento de Polanski numa sessão agendada para o dia 22 de Janeiro. A acusação, no entanto, já anunciou que discorda em que se leia a sentença sem o réu estar presente.

As autoridades da Suíça prenderam o realizador a 26 de Setembro de 2009, no âmbito de um mandado de captura dos EUA.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)