Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

Portugal celebra 15 anos de Nobel

Celebrações da entrega do galardão ao autor de ‘Ensaio Sobre a Cegueira', motiva diversas iniciativas culturais da Fundação José Saramago.
9 de Outubro de 2013 às 09:02
Em 1998 Saramago recebeu o Nobel da Literatura
Em 1998 Saramago recebeu o Nobel da Literatura FOTO: Manuel Moura/EPA

Numa altura em que se celebram 15 anos da atribuição do Nobel da Literatura a José Saramago, já se fala que o favorito ao galardão de 2013 é o japonês Haruki Murakami, 64 anos.

Ao lado do autor de ‘Sputnik Meu Amor’, ‘Kafka à Beira-Mar’ e, mais recentemente, ‘IQ84’, outros escritores estão entre favoritos. No segundo lugar da tabela de apostas (onde também está o português Lobo Antunes e o moçambicano Mia Couto), encontra-se a canadiana Alice Munro (‘Fugas’ e ‘Amada Vida’). Segue-se a ucraniana Svetlana Aleksijevitj (‘Russia’ e ‘Dramacon’) e muitos outros autores como Milan Kundera ou Salman Rushdie.

Mas as escolhas da Academia Sueca são sempre imprevisíveis, pelo que o japonês, anteriormente galardoado com o Prémio Franz Kafka, pode não ser o escolhido. Certo é que o vencedor é anunciado amanhã.

Para assinalar a atribuição do Nobel em 1998 ao autor de ‘Ensaio Sobre a Cegueira’ ou ‘Memorial do Convento’, a Fundação José Samarago vai lançar uma série de iniciativas culturais. "José [Saramago] deixou uma grande obra e uma grande ausência há três anos [morreu em junho de 2010]", disse Pilar del Rio. A viúva de Saramago recordou que este acreditava que "podia ser Nobel" e que "sentiu uma grande responsabilidade" ao receber o prémio. Defendendo que "a sua obra é atual", Pilar del Rio diz que neste momento pensa "muito em ‘A Caverna’, o livro dos excluídos".

O chinês Mo Yan venceu o Nobel da Literatura em 2012.

Nobel literatura José Saramago Haruki Murakami Lobo Antunes Mia Couto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)