Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
6

Primavera leva 80 mil ao Parque da Cidade

A edição de 2017 já está garantida.
Ana Silva Monteiro 12 de Junho de 2016 às 09:17
Caroline Polachek é a voz dos norte-americanos Chairlift
Caroline Polachek é a voz dos norte-americanos Chairlift FOTO: Carlos Gonçalves
Três dias de festa levaram 80 mil festivaleiros ao Parque da Cidade do Porto. A revelação foi feita este sábado por Rui Moreira, que garantiu que o Primavera Sound regressa em 2017. "Podemos contar com uma grande festa", disse o presidente da Câmara do Porto. O autarca confessou ainda que o objetivo para o próximo ano é esgotar a capacidade do recinto. Ou seja, receber 90 mil pessoas ao longo de três dias.

No encerramento da edição de 2016, a muita música e a animação fizeram vibrar os milhares de pessoas que se deslocaram ao Parque da Cidade. Ao CM, Francisca Menezes, uma comerciante que todos os anos leva a sua banca de salsichas holandesas de Lisboa para o Porto, destacou as diferenças do Primavera Sound: "Não tem tanta gente como outros festivais, o que faz com que não haja tanta confusão. Além disso, tem bandas que todos gostam." Já Rita Monteiro elogiou a introdução de copos recicláveis. "No ano passado o chão ficava todo sujo e este ano não se vê um copo no chão", disse.

Ontem, a abertura do palco principal ficou a cargo dos portugueses Linda Martini, que já tinham estado na primeira edição do festival, em 2012. Seguiram-se os norte-americanos Chairlift, que aqueceram o ambiente para os Air. A dupla francesa era a mais aguardada da noite e ainda atuava à hora de fecho desta edição.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)