Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

Quatro amigos em ‘desconcerto’

Zambujo, Araújo e Luísa Sobral em palco com César Mourão.
Pedro Rodrigues Santos 12 de Abril de 2018 às 09:02
António Zambujo e o humorista César Mourão
António Zambujo
Miguel Araújo
Luísa Sobral
António Zambujo e o humorista César Mourão
António Zambujo
Miguel Araújo
Luísa Sobral
António Zambujo e o humorista César Mourão
António Zambujo
Miguel Araújo
Luísa Sobral
César Mourão assume-se como o maestro de ‘Desconcerto – Um Concerto Improvisado’, o novo espetáculo que o comediante estreou ontem no cineteatro Tivoli, em Lisboa. A acompanhá-lo nesta "brincadeira" estão três dos artistas mais populares do momento: António Zambujo, Luísa Sobral e Miguel Araújo.

"Será tudo improvisado", disse César Mourão poucas horas antes da primeira atuação, "com o público a testemunhar toda a construção de um tema".

A dinâmica do espetáculo terá várias semelhanças com o programa ‘D’Improviso’, apresentado por César Mourão na SIC. "Enquanto interrogo uma pessoa do público, o Miguel Araújo e a Luísa Sobral escrevem uma letra", explicou o humorista.

"A letra é impressa no palco e o António Zambujo canta-a com uma canção que ele irá compor no momento". "As falhas, os embaraços e as hesitações farão parte do espetáculo", complementou António Zambujo. "E também irão haver ligeiros ‘brainstormings’ entre nós", acrescentou Miguel Araújo.

"A parte mais engraçada", concluiu Luísa Sobral, "é que cada uma das cinco atuações será uma experiência única".

Falta de datas livres dificulta novas atuações
A ideia para ‘Desconcerto’ surgiu no Algarve, durante umas férias entre António Zambujo, César Mourão e Miguel Araújo. Encontrar datas livres na agenda de cada um dos artistas torna quase irrepetível novas atuações.

PORMENORES
Tivoli e Sá da Bandeira
‘Desconcerto’ passa hoje de novo pelo cineteatro Tivoli, às 21h00, antes de rumar ao teatro Sá da Bandeira, no Porto, para atuações nos dias 16, 17 e 18.

Bilhetes já esgotados
O entusiasmo que o espetáculo criou junto do público ficou bem patente na rapidez com que esgotou. As entradas desapareceram em poucos dias mal foram colocadas à venda em janeiro.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)