Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

Reciclagem de clássicos anima Lisboa

Caso sério de popularidade em Portugal, os franceses Nouvelle Vague justificaram na sexta-feira o culto de que são alvo. Depois da Aula Magna em 2007, de que resultou um disco ao vivo, levaram ao rubro os cerca de quatro mil fãs que acorreram ao Campo Pequeno, em Lisboa.

9 de Novembro de 2008 às 00:30
Franceses no Campo Pequeno
Franceses no Campo Pequeno FOTO: Tiago Sousa Dias

Com duas vocalistas (por vezes três) e um reportório constituído quase só por temas alheios que recicla e serve como novos, o grupo em que pontificam as sensuais Nadeah Miranda (loura) e Marianne Elise (morena) abriu com ‘One Hundred Years’ (Cure), mas impressionou sobretudo com ‘Sweet Dreams’, já com o convidado Gérarl Toto, o qual serviu o clássico dos Eurythmics em versão reggae.

Com Nadeah Miranda endiabrada, os Nouvelle Vague voltaram ao palco duas vezes. ‘Relax’ (dos Frankie Goes to Hollywood) fechou um dos mais belos concertos do ano.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)