Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
4

Recomeça julgamento de Michael Jackson

O julgamento de Michael Jackson, acusado de abuso sexual de um menor de idade, será retomado esta segunda-feira no Tribunal de Santa Maria, Califórnia, depois de uma interrupção de cerca de 10 dias.
14 de Fevereiro de 2005 às 12:13
Suspenso depois de dois dias de audiência, o complexo processo de selecção dos membros do júri, que começou no dia 31 de Janeiro, vai demorar cerca de duas semanas.
Jackson assistiu aos dois primeiros dias do processo no Tribunal de Santa Maria, acompanhando com atenção a pré-selecção de mais de 250 potenciais jurados.
A partir desta segunda-feira, acusação e defesa vão interrogar alguns dos candidatos com o objectivo de encontrar aqueles que pareçam mais favoráveis à sua causa.
De acordo com especialistas, os advogados de Michael Jackson tentarão seleccionar pessoas solteiras e jovens, sem filhos, ou com a mesma idade do cantor.
A acusação privilegiará os candidatos mais conservadores e com filhos, de forma a sentirem empatia pela vítima.
O juiz Rodney Melville decidiu suspender o processo por uma semana, devido a uma morte na família de Thomas Mesereau, principal advogado do cantor.
O cantor enfrenta 10 acusações, entre elas agressão sexual a um menor, tentativa de dar álcool a um menor e conspiração para reter o jovem na sua propriedade. Se for considerado culpado, poderá cumprir uma pena de prisão até 20 anos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)