Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
2

Roberta Sá: "Os portugueses são parecidos com os brasileiros"

A cantora brasileira Roberta Sá está de volta ao nosso País e canta esta quarta-feira, às 21h30, no espaço TMN ao Vivo. É um regresso desejado, de que nos fala a intérprete de ‘Segunda Pele'.

2 de Outubro de 2013 às 01:00
Roberta Sá: "O meu trabalho é muito baseado nos ritmos e nas cores brasileiras"
Roberta Sá: 'O meu trabalho é muito baseado nos ritmos e nas cores brasileiras' FOTO: D.R.

Correio da Manhã - A sua presença em Portugal começa a ser habitual. O público pede-lhe que venha?

Roberta Sá - Desde que me tornei cantora que venho a Portugal duas vezes por ano. Sim, acho que o público poortuguês adora a música brasileira, o que é, para nós, brasileiros, bastante impressionante. O público conhece as nossas canções. E ao nível da emotividade, os portugueses são muito parecidos com os brasileiros.

Como vai ser o espetáculo que traz ao TMN ao Vivo?

- É um show que já apresentei em Portugal. É um espetáculo de promoção do meu novo álbum, ‘Segunda Pele', e fi-lo cá no âmbito do Ano do Brasil em Portugal. É claro que, entre as canções novas, faço um apanhado de tudo o que já gravei até agora.

- Estudou jornalismo e chegou a trabalhar como assessora. A partir de que momento decidiu ser cantora?

- Para ser sincera, acho que nunca decidi. Estava a estudar jornalismo e comecei a cantar... E deu certo. A música escolheu-me a mim, e não o contrário. E desde o momento em que isto começou, nunca me questionei. Acho que ser cantora é o meu fado.

- Gravou cinco discos até ao momento. É fácil gravar um disco, no Brasil?

- Mais fácil do que chegar a todo o território nacional. É-me muito mais fácil vir à Europa do que ir cantar no Nordeste brasileiro, por exemplo.

- Para além de alguns compositores recorrentes, a Roberta também compõe...

- Sim. Diria que sou uma compositora sazonal. Mas quando acho que acerto numa música, gravo-a logo.

- Quem reconhece como as suas maiores influências?

- Tanta gente... O Gilberto Gil, o Caetano, a Elis Regina, o Chico Buarque, a Carmen Miranda... Gosto de muita coisa. O meu trabalho é muito baseado nos ritmos e nas cores brasileiras.

Cultura Música entrevista Roberta Sá MPB
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)