RUI VELOSO: ESTE É UM GRANDE ANO

“Este é um grande ano para mim”, confessou ontem ao CM Rui Veloso, mal cabendo em si de contentamento. A afirmação, proferida no CCB aquando do lançamento do seu primeiro DVD, traduz o estado de espírito do cantor em relação ao sucesso que o álbum ‘O Concerto Acústico’ tem vindo a conhecer junto do público. Na verdade, o disco permanece há três semanas consecutivas no primeiro lugar do top nacional de álbuns.
05.12.03
  • partilhe
  • 0
  • +
“É muito raro conseguir dois discos de platina logo à saída. Sinto-me muito bem. Este foi um trabalho em grande, que envolveu muita gente, mas valeu a pena. Aliás, ainda está a valer. Foi muito bem conseguido”, disse.
Na senda do sucesso do CD, foi entretanto lançado o DVD homónimo, ontem apresentado numa concorrida cerimónia que juntou vários amigos e conhecidos do músico.
Antes ainda do visionamento do conteúdo do DVD, Rui Veloso adiantou que “não gosta nada” de se ver e que “raramente” o faz, mas de imediato passou a explicar porque razão, desta vez, assinou as tréguas com tal aversão.
“Este trabalho está fantástico. Quando o vi pela primeira vez só me ocorreu que não tinha cantado e tocado aquilo assim tão bem. O empenho da equipa que o fez é que o tornou assim”.
Primeiro registo do género de Rui Veloso, o “Concerto Acústico” em DVD é o resultado visível da “aventura” inédita que foi a digressão acústica, que culminaria com o lançamento do registo ao vivo, que em apenas dois dias atingiu a dupla platina (40 mil discos vendidos).
INÉDITOS SÃO MAIS-VALIA
À semelhança do que acontece no CD, o DVD de ‘O Concerto Acústico’ apresenta alguns dos maiores êxitos que o músico portuense escreveu em parceria com Carlos Tê ao longo de uma carreira ímpar.
A mais-valia da presente edição reside, no entanto, nos dois inéditos, ‘Nunca Me Esquecei de Ti’ e ‘Os Velhos do Jardim’, ambos reduzidos à sua despojada essência resultado da abordagem acústica. Sob este pretexto, são ainda mostradas as canções que ganharam voz nas tertúlias de amigos, como ‘Primeiro Beijo’, aqui como vídeo com os Cabeças no Ar, ou ‘Dia de Passeio’, composta para os Rio Grande.
As imagens foram captadas durante a última digressão de Rui Veloso, aquela que foi também a sua primeira aventura acústica, e que teve como pontos altos as quatro actuações no CCB de Lisboa, mais duas no Coliseu do seu Porto.
NÚMEROS DO ÊXITO
TEMPO RECORDE
O disco ‘Rui Veloso - O Concerto Acústico’ entrou directamente para o primeiro lugar do top nacional de álbuns, onde se mantém de ‘pedra e cal’. Em tempo recorde, ou seja, dois dias depois da sua edição, conquistou a dupla platina, além de um galardão de prata e outro de ouro. Ou seja, em apenas três semanas, já vendeu mais de 70 mil exemplares.
MAIS GALARDÕES
A colectânea ‘O Melhor de Rui Veloso’, editada no ano passado arrecadou três discos de platinas, atingindo as 120 mil unidades vendidas. O mais recente álbum de originais, “Avenidas” (1998) conquistou a prata, ouro e pla-tina.
A RENDER
Um novo álbum de originais vai ter de esperar. É que, segundo Rui Veloso, o ‘Concerto Acústico’ ainda “renderá os seus frutos durante muito mais tempo”. Só depois é que Veloso irá trabalhar num novo disco, para o qual, confessou, “já tenho muito material”. “Mas não vou decidir nada tão cedo”, acrescentou.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!