Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

Seara administra coleção Berardo

Governo e colecionador Joe Berardo designaram o advogado Fernando Seara para vogal do conselho de administração da fundação até 2017
Teresa Oliveira 13 de Dezembro de 2014 às 17:44
Fernando Seara está na administração da Fundação Berardo
Fernando Seara está na administração da Fundação Berardo FOTO: DR

Fernando Seara vê com "naturalidade" e "sentido de responsabilidade" a sua integração no conselho de administração da Fundação de Arte Moderna e Contemporânea – Coleção Berardo, por indicação do Governo e do próprio colecionador. O ex-presidente da Câmara Municipal de Sintra explicou ainda ao CM que o cargo de vogal o obrigará a reuniões "trimestrais".

Quanto ao facto de ter sido escolhido pelo Governo – secretário de Estado da Cultura, Barreto Xavier – e pelo colecionador Joe Berardo, Seara diz que não ficou surpreendido. "Eu e o comendador Joe Berardo tivemos uma relação em razão da sua presença em Sintra, no Centro de Arte Moderna", justifica.

Questionado sobre uma possível remuneração, o gabinete de Barreto Xavier assegura que os estatutos da Fundação de Arte Moderna e Contemporânea – Coleção Berardo estão a ser cumpridos, ou seja, os membros que a gerem não são remunerados, nem o seu presidente honorário, Joe Berardo.

Fernando Seara já assumiu a sua função e ficará no cargo até 2017.

De recordar que a Coleção Berardo foi avaliada pela leiloeira Christie’s, em 2006, em 316 milhões de euros. O protocolo celebrado, também no ano de 2006, entre o Governo – através do Ministério da Cultura –, a Fundação Centro Cultural de Belém, a Associação Coleção Berardo e o colecionador José Manuel Rodrigues Berardo (Joe Berardo) permite que a valiosa coleção seja apreciada pelo público em geral no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

Seara Berardo fundação coleção
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)